Post Principal

Salivação excessiva pode ter diferentes causas. Saiba o que fazer

A saliva é um líquido produzido de forma natural. Ela é muito importante para manter a boca limpa e ajudar em tarefas importantes como a mastigação e a deglutição. Mas quando há salivação excessiva, é bom ficar de olho.

É que esse pode ser um sinal de diferentes problemas e doenças, que precisam de tratamento. A seguir, veja quais as possíveis causas da salivação excessiva e, em seguida descubra como lidar com esse incômodo.

Entenda as causas da salivação excessiva

A salivação excessiva pode ter causas totalmente distintas. No entanto, geralmente é sinal de problemas fáceis de tratar, como cárie, infecção ou refluxo, por exemplo.

Cárie

Um dos problemas bucais mais comuns, a cárie pode causar o excesso de saliva. Essa é uma tentativa do nosso organismo de expulsar o que está fazendo mal. Contudo, só mesmo indo a um dentista para fazer o tratamento adequado é que vai resolver.

Infecções

Nesse caso, produzir mais saliva do que o habitual é uma das maneiras que o corpo encontra para se livrar do que está fazendo mal. 

Refluxo gastroesofágico

No caso do refluxo, é mais fácil de identificar. Isso porque é comum ter também outros sintomas como queimação no estômago e na boca, além de má digestão.

Gravidez

Alguns desconfortos gastrointestinais são comuns durante a gravidez. E a salivação excessiva é resultado disso. Geralmente, envolve também vômito ou náusea, por exemplo. 

Uso de medicamentos e produtos tóxicos

Certos remédios, como tranquilizantes e anticonvulsivantes podem causar salivação excessiva. Além disso, a exposição a produtos tóxicos, como mercúrio, também pode levar a esse sintoma.

Doença de Parkinson

Essa é uma doença que começa de forma muito discreta e, aos poucos, degenera o cérebro. Entre os primeiros sinais está a salivação excessiva, a dificuldade de falar e de deglutir, por exemplo.

O que fazer em caso de excesso de saliva?

Se você estiver com salivação excessiva, marque uma consulta com um dentista para entender se é o caso de um problema bucal, como cárie ou infecção na gengiva, por exemplo.

Nesses casos, o tratamento pode ser uma obturação para remover a cárie, limpeza em consultório para remover a placa bacteriana ou o uso de certos produtos e medicamentos, dependendo da gravidade da gengivite.

Contudo, se não houver nada de errado com a sua saúde bucal, o profissional pode te encaminhar para um médico. Se você não fizer ideia do que pode ser a causa da salivação excessiva, o ideal é começar por um clínico geral.

No entanto, se tiver outros sintomas, fica mais fácil procurar logo um especialista para começar o tratamento mais adequado. Porém, vale ressaltar que ele vai depender das causas do problemas.

De qualquer forma, se você estiver com alta produção de saliva, comece a adotar hábitos saudáveis relacionados a sua alimentação. Além disso, aumente a ingestão de água. Vale também caprichar na higiene bucal após as refeições e antes de dormir,

Assim, você já ajuda seu corpo a se recuperar das principais causas da salivação excessiva, como cárie e refluxo, por exemplo.

0 comentário em “Salivação excessiva pode ter diferentes causas. Saiba o que fazer

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: