Post Principal

Restauração alta? Volte ao dentista. Entenda os riscos

Se você foi ao dentista e, depois do procedimento, percebeu a restauração alta, é importante sinalizar na hora. Mas se você só identificou o problema ao sair do consultório, não tem problema, desde que volte lá o quanto antes.

Isso porque há alguns riscos em manter uma restauração alta, como por exemplo o surgimento de um trauma.

E como esse é um dos procedimentos mais comuns nos consultórios públicos e particulares, também há muitos relatos de situações em que ela ficou alta, causando desconforto e também levando a problemas. Saiba mais nas linhas a seguir.

Quando é preciso fazer uma restauração?

Esse é um procedimento odontológico bastante versátil e relativamente simples. É capaz de devolver não só a estética, como também a forma e a função de um dente. Isso pode acontecer em diferentes casos como um trauma ou uma simples cárie.

Contudo, é importante ressaltar a diferença entre restauração e obturação, uma vez que a restauração só abrange a coroa do dente, ou seja, a parte que fica visível.

Por que a restauração fica alta?

Na verdade, pode acontecer da restauração ficar alta ou baixa. No entanto, o ideal é que ela fique na medida certa.

Geralmente, o que acontece é que o dentista não tem referência de como era o dente originalmente. Assim, o profissional se baseia em seus conhecimentos de anatomia para fazer o procedimento. 

Contudo, há muitas particularidades que fazem com que o material aplicado não esteja na quantidade adequada para aquele paciente.

Saiba o que fazer em caso de restauração alta

Assim que finaliza o procedimento, é comum o dentista perguntar ao paciente se ele está sentindo a restauração alta. Em caso positivo, basta realizar um pequeno desgaste.

Porém, quando está no consultório o paciente pode estar sob efeito de anestesia local ou não estar acostumado com o dente em uma posição diferente. Esses são alguns dos motivos para que ele não se dê conta de que a restauração está alta enquanto ainda está no consultório.

Nessa situação, é importante voltar ao dentista o mais rapidamente possível para fazer o ajuste. Isso porque manter ela assim pode causar dores, traumas e até quebra no material.

É que o dente mais alto sofre sobrecarga durante a mastigação, o que leva aos problemas que citamos. 

Portanto, consulte um dentista para evitar maiores dores de cabeça. Ah, e para quem tem um convênio dental, a boa notícia é que tanto a restauração quanto o seu ajuste são cobertos!

0 comentário em “Restauração alta? Volte ao dentista. Entenda os riscos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: