Post Principal

Rejeição enxerto ósseo dentário: saiba se é possível

Rejeição enxerto ósseo dentário

Fazer um implante envolve diferentes etapas. Uma delas é deixar o osso nas condições adequadas para receber o pino e, posteriormente, a coroa. Entretanto, há muitas dúvidas sobre a rejeição do enxerto ósseo dentário.

Nesse caso, o tratamento demora mais um pouco para terminar, mas é possível reverter o quadro.

Para entender melhor sobre o assunto, acompanhe as linhas a seguir e descubra o que fazer em caso de rejeição de enxerto ósseo dentário.

Saiba o que é o enxerto ósseo

O enxerto ósseo é uma maneira de reconstruir uma parte do osso para receber o implante. Isso geralmente acontece em pacientes com perda óssea.

Por meio de um procedimento cirúrgico, o dentista devolve aspectos como altura ou espessura adequadas.

Esse enxerto é feito a partir de uma parte do osso da mandíbula. Contudo, é relativamente simples, evita a rejeição do enxerto ósseo e não costuma causar dor, pois é administrada anestesia. Porém, também é possível usar materiais sintéticos, como é o caso da hidroxiapatita sintética

Vale lembrar que o uso de fragmentos orgânicas também torna a cicatrização mais rápida, com duração média de 6 meses a 1 ano.

Afinal, pode acontecer rejeição do enxerto ósseo dentário?

Basicamente, a resposta é não. Com o avanço da tecnologia, não há rejeição do enxerto ósseo dentário. Contudo, pode acontecer alguma falha na osseointegração, o que também é bem raro. 

Entretanto, alguns problemas podem acontecer em decorrência desse procedimento. Entre os riscos do enxerto ósseo estão:

  • Perda de sensibilidade (temporária ou permanente).
  • Reabsorção do enxerto.
  • Hemorragia.
  • Inflamação.
  • Dor.

As formas de evitar problemas com o enxerto ósseo dentário

Quem faz o acompanhamento correto com o dentista já consegue evitar os principais problemas que podem acontecer com o enxerto ósseo dentário.

Além disso, certifique-se de que os materiais usados serão de qualidade e adequados para o tipo de enxerto. 

Vale ressaltar ainda que deve haver assepsia no local e que a cirurgia precisa ser fechada corretamente, evitando infecções.

Outro ponto importante é seguir as orientações do dentista para o pós-operatório. Ingestão de medicamentos, repouso e comida fria podem estar entre as recomendações.

0 comentário em “Rejeição enxerto ósseo dentário: saiba se é possível

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: