Post Principal

Dente siso nascendo: sintomas podem envolver inchaço, dor e mais

dente siso nascendo

Conhecido como o dente do juízo, o terceiro molar tende a dar o ar da graça entre os 16 e os 20 anos. Quando o dente siso está nascendo, sintomas como inchaço e dor podem ser comuns. Portanto, não há com o que se preocupar.

Contudo, é sempre bom consultar um dentista quando esses sinais surgem. Afinal, o dente siso nascendo também pode causar sintomas como inflamação e até febre!

Além disso, pode ser que não haja espaço suficiente para ele na boca, o que geralmente significa a necessidade de extrair o siso.

Nas linhas a seguir, entenda melhor sobre o assunto e saiba o que fazer quando o dente siso está nascendo!

Para que serve o dente siso?

Os dentes começam a nascer por volta dos 6 meses de idade. Ainda na infância, os decíduos são trocados pelos dentes permanentes, que já nascem com a gente e vão surgindo conforme a idade avança.

Até os 20 anos, é comum que as pessoas já tenham o dente do siso, como é conhecido o terceiro molar. Sua função é potencializar a mastigação. Por isso, há dois na arcada superior e dois na inferior.

Ele é poderoso para triturar alimentos rígidos, como carne. Por isso, era muito útil na pré-história, quando a alimentação era baseada em alimentos crus e duros.

Contudo, com o passar dos anos, o siso foi perdendo a utilidade, já que aprendemos a cozinhar a comida para que amolecesse. Além disso, atualmente temos hábitos alimentares bem diferentes.

Tudo isso fez com que a arcada do ser humano diminuísse. Portanto, isso justifica o fato de algumas pessoas simplesmente nascerem sem o siso. 

Ou ainda para que haja a necessidade de extrair o siso porque não há espaço suficiente para ele na boca. Nesses casos, ele nem nasce, erupciona parcialmente ou chega a nascer, mas provoca o deslocamento de outros dentes na arcada.

Conheça os sintomas que indicam dente siso nascendo

É normal ter alguns sintomas quando o dente siso está nascendo. Afinal, ele precisa vencer a barreira da gengiva para erupcionar por completo. E esse processo tende a gerar, principalmente, dor e incômodo.

Logo no início, é normal ter um edema, notar a gengiva inchada, irritada e dolorida. Então, quando o dente começa a irromper, pode haver dor.

Entretanto, quando o dente siso não nasce totalmente, ou quando a região tem difícil acesso da escova, pode surgir um quadro de pericoronarite, que é uma infecção local. Além de dor, abscesso e vermelhidão, ela ainda pode evoluir e causar febre.

Existe ainda a possibilidade do dente siso não nascer. Nesse caso, cistos e tumores podem se formar na região. Também é comum haver reabsorção óssea dos dentes vizinhos, o que prejudica o sorriso do paciente.

De maneira geral, tenha em mente que os sintomas abaixo podem surgir quando há um dente siso nascendo:

  • Gengiva inflamada.
  • Irritação na região.
  • Dor.
  • Abcesso.
  • Cistos e tumores.
  • Mau hálito.
  • Reabsorção dos dentes vizinhos.
  • Sensação de dor no ouvido e na face.

Saiba o que fazer quando há sintomas de dente siso nascendo

O primeiro passo para garantir que tudo corra bem quando há sintomas de dente siso nascendo é marcar uma consulta com o seu cirurgião dentista.

Para quem tem convênio dentário, fica ainda mais fácil, já que em alguns casos há a cobertura de extração de dente, por exemplo.

O profissional vai avaliar o quadro do paciente, entender se há a necessidade de extração e receitar medicamentos, caso seja necessário.

Contudo, até que chegue o dia da consulta, você pode caprichar na higiene bucal. Escove os dentes após as refeições e use fio dental todos os dias. 

Também é possível fazer compressa de gelo para aliviar a dor e o inchaço, além de preferir alimentos pastosos e líquidos no período.

0 comentário em “Dente siso nascendo: sintomas podem envolver inchaço, dor e mais

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: