Post Principal

Cárie no dente da frente pode precisar de canal. Entenda

cárie no dente da frente

Ter cárie no dente pode significar um grande problema. Além de prejudicar a estética e, em muitos casos, deixar o paciente envergonhado, ela também pode precisar de tratamentos mais complexos, como o canal.

Por isso, caso perceba algo diferente em algum dente da frente, procure um dentista o mais rapidamente possível. Além de sensibilidade e dor, a cárie pode dar sinais como pequenos buracos e manchas.

Isso é resultado da ação de bactérias, que se proliferam graças aos resíduos de alimentos presentes na boca e liberam um ácido que prejudica os dentes.

Acompanhe a leitura para entender o que fazer em caso de cárie no dente da frente e, claro, para aprender a prevenir esse problema!

Tratamento da cárie no dente da frente pode variar

Só quem pode indicar o melhor tratamento para cárie no dente da frente é um dentista. Afinal, ele precisa avaliar diferentes pontos para chegar a essa conclusão. E isso precisa ser feito pessoalmente, no consultório.

Contudo, a verdade é que a maioria dos casos de cárie no dente da frente, ou em outros elementos, tem tratamento simples. Geralmente, basta uma restauração para que tudo volte ao normal. No procedimento, o dentista remove a área afetada e restaura com material parecido com o dente, como resina.

No caso da cárie no dente da frente em crianças, se o dente for de leite o profissional pode optar pela extração precoce. Agora, dependendo da idade, pode ser necessária a ortodontia preventiva, para evitar problemas de oclusão por causa da falta do dente.

No entanto, dependendo da extensão do dano causado pelas bactérias em adultos, a cárie no dente da frente pode precisar de um tratamento de canal para ser totalmente removida.

Porém, isso acontece em casos específicos, como quando a cárie atinge a polpa dental. Também pode acontecer de haver exposição pulpar se a cárie for profunda, ou se houver algum traumatismo com a perda de estrutura dentária.

Como é o tratamento de canal?

Há muitos mitos sobre o canal, mas a verdade é que esse é um tratamento bastante usado e, o mais importante, não dói.

Basicamente, o tratamento de canal funciona assim: o dentista remove a infecção na polpa do dente e faz a desinfecção da área. Por fim, ele coloca um bloco, que vai manter o dente funcional e com a aparência anterior.

Para que não haja dor, o paciente recebe anestesia local. Contudo, o procedimento geralmente precisa de mais de uma sessão para a finalização. 

Aprenda a evitar a cárie no dente da frente

É aquele velho ditado: “melhor prevenir do que remediar”. Contudo, a boa notícia é que é fácil evitar a cárie no dente da frente. Basta seguir algumas recomendações básicas, como:

  • Escovar os dentes após as refeições e antes de dormir;
  • Usar fio dental todos dias;
  • Visitar um dentista regularmente;
  • Ter uma alimentação saudável, evitando carboidratos e açúcar.

O ideal (para prevenir e tratar) é contar com um convênio dental para ter acesso a diversos procedimentos e até ao atendimento de urgência, pagando bem pouco por mês. Conheça as opções da W.Dental!

0 comentário em “Cárie no dente da frente pode precisar de canal. Entenda

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: