Post Principal

Entenda a diferença entre dentista e ortodontista e saiba qual procurar

Quem tem um problema bucal, seja relacionado à dor, sangramento ou estética, pode ficar na dúvida sobre qual profissional procurar. E é aí que costuma surgir a questão: qual a diferença entre dentista e ortodontista?

Primeiramente, saiba que, se você não sabe a quem recorrer, o ideal é marcar uma consulta com um cirurgião dentista, que é como um clínico geral. Muitos dos problemas bucais são resolvidos por ele, como restaurações, clareamento e tratamento para gengivite. No entanto, dependendo do diagnóstico, ele pode te encaminhar para um especialista.

Contudo, nas linhas a seguir a gente te conta as diferenças entre dentista e ortodontista e te explica melhor o papel de cada um deles. Confira!

Afinal, qual é a diferença entre dentista e ortodontista?

E então, você deve estar se perguntando qual a diferença entre esses dois profissionais. Basicamente, todo ortodontista é dentista, mas o contrário não é verdade. É simples de entender: ambos fizeram faculdade de Odontologia, que tem duração média de 5 anos.

No entanto, o ortodontista fez uma especialização em Ortodontia para receber esse título e estar apto para tratar de problemas relacionados aos ossos e posição dos dentes, o que costuma acontecer com o uso de aparelhos.

Ortodontia concentra maior número de especialistas 

Entre os dentistas com especialização, os ortodontistas predominam. Segundo o Conselho Federal de Odontologia (CFO), eles representam mais de 23% dos dentistas especialistas.

Esses profissionais atuam no acompanhamento do desenvolvimento da arcada, na prevenção e na correção de problemas relacionados aos ossos do maxilar e dos dentes. Ao interferir para que haja um posicionamento correto dos ossos, o ortodontista contribui não só para a estética do paciente, como também ajuda a melhorar funções como mastigação e respiração, além de facilitar a limpeza, evitando problemas como cárie.

Aliás, muita gente não sabe, mas dentes tortos são mais propensos a acumular a placa bacteriana, também conhecida como biofilme. É que, com a irregularidade do sorriso, fica mais difícil da escova alcançar todos os cantinhos para fazer a limpeza correta.

Contudo, isso pode levar não só à cárie, como também a problemas mais incômodos, como a gengivite, e até mais sérios, como a periodontite. Portanto, é importante conhecer a diferença entre dentista e ortodontista e entender que procurar um especialista vai muito além da estética.

Outro problema que pode levar um paciente ao ortodontista é com relação a dores, seja no maxilar, na cabeça ou no pescoço. O incômodo pode surgir por causa da mordida mal encaixada, por exemplo. Aliás, esse problema causa até fraturas em alguns casos. 

Uma das principais diferenças entre dentista e ortodontista é que o especialista geralmente realiza tratamentos atrelados a aparelhos. No entanto, eles podem ir além do modelo fixo metálico, passando pelos tipos estéticos, móveis e até os alinhadores invisíveis, que são como placas transparentes.

Dentista tem papel mais abrangente

Grande parte dos dentistas tem alguma especialização. Entretanto, muitos deles continuam atuando nas funções básicas da profissão, que incluem a prevenção e o tratamento de problemas comuns como a cárie, a gengivite e o mau hálito, por exemplo. Além disso, o cirurgião dentista também:

  • Realiza diagnóstico;
  • Encaminha o paciente a um especialista, quando há necessidade;
  • Faz atendimento emergência;
  • Opera pequenas cirurgias.

Portanto, seja um ortodontista ou outro especialista, o dentista está apto para também realizar as atividades acima.

Uma das formas de economizar, seja com um dentista ou ortodontista, é com um plano odontológico que tenha ampla cobertura, como é o caso da W.Dental. Entre as opções, há planos que cobrem ortodontia e você ainda pode incluir dependentes. Vale a pena conferir!

0 comentário em “Entenda a diferença entre dentista e ortodontista e saiba qual procurar

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: