Post Principal

Placa para bruxismo vende na farmácia? Entenda por que você deve consultar um dentista

Pode não parecer, mas o bruxismo é um problema que atinge cerca de 30% das pessoas em todo o mundo, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). E como outros problemas de saúde, deve ser levado a sério. Por isso, se você quer saber se placa para bruxismo vende na farmácia, saiba que, antes de escolher qual produto usar, você precisa consultar um dentista.

Contudo, antes mesmo de entender melhor o papel do dentista no tratamento dos sintomas do bruxismo, é importante saber o motivo de usar a placa. Além de evitar o atrito entre os dentes e relaxar a musculatura, ela também tem a missão de desprogramar os músculos mastigatórios, fazendo com que eles parem de se movimentar de maneira involuntária, pois isso começa a se tornar inútil com o uso da placa para bruxismo e outros tratamentos.

Sendo assim, o uso de uma placa inadequada pode não só ser ineficiente, como também piorar o quadro. Também é importante destacar que o tratamento do bruxismo é multidisciplinar, já que é uma disfunção que costuma ter fundo emocional, motivada por fatores como estresse e ansiedade. Portanto, o ideal é também fazer acompanhamento com um psicólogo ou psiquiatra.

Mas, para responder se placa para bruxismo vende na farmácia e entender melhor o papel do dentista nesse tratamento, continue a leitura!

Afinal, placa para bruxismo vende na farmácia?

Basta fazer uma pesquisa rápida e você vai descobrir que sim, placa para bruxismo vende na farmácia e até em outros estabelecimentos que não são especializados em saúde. No entanto, muitos modelos são, basicamente, protetores para os dentes, geralmente usados por esportistas, por exemplo.

Contudo, também é possível encontrar modelos denominados como “moldáveis”, em que a pessoa consegue ajustar de acordo com a sua arcada. Entretanto, o uso da placa errada por agravar ainda mais o problema, como veremos a seguir.

Entenda a importância de consultar um dentista

O bruxismo pode causar diversos problemas nos dentes, como desgastes, fissuras e quebras, por exemplo. E quando há desníveis ou problemas de alinhamento (oclusão), as chances disso acontecer são ainda maiores.

Portanto, esse é um dos motivos para procurar um dentista em vez de comprar uma placa para bruxismo que vende na farmácia. Além disso, no consultório, o profissional avalia a necessidade de fazer restaurações. Ele pode até indicar o uso de aparelho ortodôntico para melhorar o alinhamento e minimizar os desgastes causados pelo bruxismo.

Outra alternativa pode ser ainda a aplicação de botox para evitar que o músculo contraia de maneira involuntária. Essa é uma das principais indicações para o bruxismo diurno, por exemplo, uma vez que a toxina botulínica age durante todo o dia.

Placa para bruxismo errada pode agravar o quadro

Além dos pontos que citamos, também é importante destacar que uma placa para bruxismo que vende na farmácia, se não for o modelo ideal para o seu caso, pode agravar o problema.

Quando há apenas o apertamento dos dentes – o que é a minoria dos casos – uma placa de silicone, maleável, pode ajudar a resolver o problema. Agora, se também houver ranger de dentes, uma placa macia pode fazer com que o músculos da mastigação atuem de maneira mais intensa e que também haja a hipertrofia. Nesses casos, os surtos podem se tornar piores e mais frequentes.

0 comentário em “Placa para bruxismo vende na farmácia? Entenda por que você deve consultar um dentista

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: