Post Principal

Qual é a função do esmalte dentário? Entenda sua importância

O dente é formado por diferentes camadas, e uma delas é o esmalte dentário. Essa é a parte mais externa, que tem papel fundamental na proteção do dente. Por isso, requer atenção e cuidados para não comprometer sua saúde bucal.

É o esmalte do dente que tem contato direto com líquidos, alimentos e, claro, com a saliva. Portanto, essa camada dura e fina tem o papel de servir de barreira para bactérias e outros microrganismos. Assim, as demais partes do dente (dentina e polpa) ficam protegidas. Além disso, o esmalte protege essas camadas, que têm terminações nervosas, das temperaturas do que ingerimos, seja quente ou gelado. 

Então, quando há problemas no esmalte dentário, há mais chances da formação de cárie e também de sensibilidade. Isso sem falar no amarelamento e no surgimento de manchas nos dentes, já que o desgaste do esmalte evidencia a dentina, que tem tom mais escurecido. Entenda mais a seguir.

Desgaste do esmalte dentário pode causar problemas

O esmalte dentário é a área mais mineralizada do corpo humano. Sua composição é de aproximadamente 97% de minerais, sendo o principal a hidroxiapatita. De resto, há água e material orgânico.

Portanto, os problemas com o esmalte dentário surgem quando há perda de minerais, chamada de desmineralização. Esse processo deixa o esmalte ainda mais fino e suscetível à ação de bactérias nas camadas mais profundas do dente, formando a cárie.

A desmineralização também leva à sensibilidade, como citado anteriormente. Sem a proteção natural do esmalte dentário, doces, temperaturas muito altas ou muito baixas podem afetar a dentina e a polpa, causando incômodo.

Outra característica comum do desgaste do esmalte é que o dente fica “transparente” e pode amarelar com mais facilidade.

A fluorose é mais um problema que pode ocorrer no esmalte dentário, mas este não é resultado do desgaste. Na verdade, acontece por causa do excesso de flúor, e costuma se manifestar na infância. As consequências são, no geral, manchas brancas no dente. Entretanto, a superfície do dente também pode ter irregularidades ou manchas marrons.

6 passos para cuidar do esmalte dental

As consequências da desmineralização podem ser bastante desagradáveis tanto do ponto de vista estético quanto para a sua saúde bucal. Portanto, separamos algumas dicas para você evitar esse tipo de problema:

  1. Use escova de dente macia para não desgastar o esmalte.
  2. Não aplique muita força na escovação para evitar o desgaste mecânico do esmalte.
  3. Cuidado com cremes dentais e outros produtos abrasivos que também possam levar ao desgaste.
  4. Evite o consumo de bebidas ácidas todos os dias. Isso inclui refrigerantes e até suco de frutas cítricas, já que aumentam as chances de erosão dentária.
  5. Reduza o consumo de açúcar e carboidratos, pois atuam no enfraquecimento do esmalte dentário, deixando o elemento propício à cárie.
  6. Cuide da sua saúde. Há ainda outros problemas que podem levar ao desgaste do esmalte dentário, e que estão ligados a outros fatores da sua saúde, como o bruxismo. O ranger de dentes prejudica essa camada do dente. O mesmo acontece com quem tem refluxo ou outros problemas gastrointestinais, e até mesmo bulimia, pois o vômito torna o pH da boca mais ácido, prejudicando o esmalte.

Como recuperar o esmalte do dente?

Quando há a perda de minerais no esmalte dentário, ele tende a ficar mais fino. Assim, a penetração de bactérias se torna mais fácil, o que aumenta as chances de problemas como a cárie. Esse processo também causa a sensibilidade, levando a dores ao consumir bebidas e alimentos muito gelados, quentes ou doces, por exemplo.

Quando o dente amarela demais ou apresenta manchas, pode ser um sinal de que o esmalte dentário perdeu minerais e a dentina está exposta.

Para recuperar o esmalte dental, o primeiro passo é identificar o grau do desgaste e a causa da desmineralização. O diagnóstico deve vir de um dentista. Portanto, é esse profissional que vai recomendar o melhor tratamento com base nas causas do problema. 

Entre as recomendações, podem estar cremes dentais ou enxaguantes bucais com fluoreto, por exemplo. Além disso, orientações sobre mudança de hábitos e até o encaminhamento para um médico podem estar entre as alternativas indicadas pelo dentista. Entretanto, algumas dicas são sempre úteis:

  • Beba a quantidade adequada de água para manter a boca hidratada e estimular a produção de saliva, já que ela ajuda a proteger o esmalte dentário;
  • Evite alimentos ácidos, açúcar e carboidratos;
  • Cuide da higiene bucal;
  • Não faça uso de medicamentos sem orientação médica.

Se o dano no esmalte dentário for grave e ele não puder ser recuperado, coroas, facetas e lentes de contato podem ser boas soluções. Mas, se não chegar a tanto, uma restauração pode ser uma boa saída. Caso esteja com problemas no esmalte dentário, consulte um dentista para entender qual é a melhor solução para você.

0 comentário em “Qual é a função do esmalte dentário? Entenda sua importância

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: