Gengiva Post Principal

Qual o melhor remédio para gengivite?

A gengivite é a inflamação da gengiva, causada pelo acúmulo da placa bacteriana entre o dente e o tecido mole. Esse é um problema bastante comum e que, se identificado no início, também pode ser resolvido facilmente com um remédio para gengivite ou uma simples limpeza no consultório.

No entanto, caso o problema evolua para uma periodontite, as consequências podem ser mais graves. Isso porque, em estágios avançados, a doença pode levar à perda do dente, entre outras complicações.

Portanto, se você percebeu a gengiva vermelha, sangrando durante a higienização bucal, ou ainda outros sintomas, como mau hálito e sensibilidade, o ideal é procurar um dentista.

Na consulta, ele vai avaliar o seu caso e, se for o mais indicado, receitar um remédio para gengivite que seja adequado.

Remédio caseiro para a gengivite não é recomendado

O tratamento da gengivite deve ser indicado pelo dentista. Portanto, nada de procurar remédios e receitas caseiras, como bochecho com água oxigenada, pois esses métodos não são recomendados e podem prejudicar ainda mais sua saúde bucal.

Saiba como é o tratamento da gengivite

Só tem uma medida que você pode adotar em casa e que, certamente, não vai prejudicar seu quadro: aumentar a higiene bucal. Segundo o Ministério da Saúde, aos primeiros sinais desse problema bucal, intensifique a escovação e não dispense o uso do fio dental pelo menos uma vez por dia.

Entretanto, não dispense a visita ao dentista. No consultório, ele provavelmente vai fazer a profilaxia bucal (limpeza), com raspagem para a remoção da placa bacteriana e do tártaro. 

Dependendo da gravidade do caso, ele pode ainda recomendar um remédio para a gengivite, como você confere nas linhas a seguir.

Remédio para gengivite deve ser recomendado pelo dentista

Como citamos, o melhor remédio para gengivite certamente vai ser indicado pelo dentista, caso seja necessário fazer uso de medicação.

Se esse for o caso, o especialista pode receitar medicamentos como anti-inflamatórios e antibióticos. Contudo, esses são remédios que devem ser comprados e administrados somente com recomendação de um profissional da área da saúde. 

Outros produtos também podem entrar na lista de recomendações, como enxaguantes bucais específicos, cremes dentais e até a troca da escova de dente por uma que tenha cerdas macias e cabeça de tamanho adequado para o tamanho e a abertura da sua boca.

%d blogueiros gostam disto: