Post Principal Saúde Bucal

Coronavírus e higiene bucal: cuidados podem evitar a contaminação

O novo coronavírus surgiu no fim de 2019, na China, e se espalhou rapidamente por todo o mundo. A infecção respiratória pode levar à pneumonia, que vem sendo a causa de muitas mortes nos últimos meses.

Sem nenhum remédio ou vacina com eficácia comprovada no tratamento ou prevenção da doença, as medidas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) são o isolamento social, assim como a adoção de hábitos de higiene, como lavar as mãos frequentemente, evitar o contato das mãos com o rosto e usar máscara quando sair de casa.

Mas o que os cuidados bucais têm a ver com o novo coronavírus?

Manter a higiene bucal durante a quarentena é fundamental. Isso evita, também, que você precise fazer visitas presenciais ao dentista e fique sujeito a aglomerações.

Durante o período de isolamento social, o ideal é manter a saúde bucal e fazer consultas ou tirar dúvidas com seu dentista somente por meio de consultas virtuais. Muitos planos odontológicos, como a W.Dental, já oferecem essa modalidade de atendimento.

Sendo assim, é importante escovar os dentes após as refeições e usar fio dental ao menos uma vez por dia. O uso do enxaguante bucal também é bem-vindo para manter a saúde bucal, embora não tenha eficácia comprovada no combate ou prevenção ao novo coronavírus.

Mas, antes de começar a higienização da boca, lave bem as mãos, por pelo menos 20 segundos. Esfregue bem entre os dedos e vá até o pulso, para se certificar de que as mãos estarão livres do vírus quando você tocar na sua escova de dente ou no fio dental.

Também é importante estar atento à saúde das pessoas que moram na mesma casa que você. Caso alguém apresente sintomas do novo coronavírus, como tosse, espirros, falta de ar, febre e perda de olfato, o ideal é que essa pessoa fique isolada em um ambiente arejado.

Outra recomendação importante para evitar o contágio do coronavírus entre pessoas que moram juntas é não compartilhar objetos pessoais com quem apresenta sintomas.

Isso inclui toalhas, talheres, louça e, claro, itens de higiene pessoal, como escovas de dente. Também é recomendável que cada um tenha sua própria pasta de dente, já que costuma haver contato do produto com a escova na hora do uso, e isso pode causar contaminação.

A contaminação pelo Covid-19 se dá pelas vias aéreas, incluindo a boca. Sendo assim, é preciso manter a higiene, incluindo a escovação da língua. Em caso de pessoas infectadas ou com suspeita, os cuidados devem ser redobrados, pois as bactérias presentes na boca podem causar complicações.

0 comentário em “Coronavírus e higiene bucal: cuidados podem evitar a contaminação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: