Problemas Bucais

Bruxismo tem cura? Saiba qual a melhor maneira de tratar

Ranger a apertar os dentes de maneira inconsciente pode trazer muitos prejuízos à saúde e ao bem-estar dos pacientes. Por isso, muita gente se pergunta se bruxismo tem cura e se, afinal, um dia poderá ficar livre desse problema.

Entenda o que é bruxismo

Antes de saber se bruxismo tem cura ou não, no entanto, é importante saber do que se trata essa disfunção. 

O bruxismo costuma estar associado a fatores psicológicos, como estresse e ansiedade. Os sintomas são, basicamente, apertar e ranger os dentes de forma involuntária. E isso pode acontecer tanto durante o dia quanto à noite.

Bruxismo pode causar consequências sérias à saúde bucal

Geralmente, os primeiros sintomas são dores de cabeça e na mandíbula, por causa do atrito. Já as consequências do bruxismo podem ser diversas, principalmente quando o assunto é a saúde bucal. 

Isso porque os dentes podem ficar desgastados, além da possibilidade de fratura, sensibilidade e destruição do tecido da gengiva.

Outros problemas mais sérios também podem se desenvolver, como é o caso de distúrbios da articulação temporomandibular (ATM) e até deslocamento da mandíbula, por exemplo.

Afinal, bruxismo tem cura?

Quem sofre com o problema e quer saber se bruxismo tem cura pode até ficar assustado com o fato da resposta negativa.

Isso porque, tratando-se de uma disfunção ligada, sobretudo, a fatores psicológicos, é preciso tratar as causas, como estresse e ansiedade, que tendem a ser problemas crônicos, isto é, sem cura.

Por isso, ao menor sinal de bruxismo, é importante procurar ajuda especializada, seja de um dentista do seu plano odontológico ou particular, e até mesmo de outros profissionais, como fonoaudiólogo e psicólogo, que possam dar seguimento a um tratamento multidisciplinar.

Tratamento para bruxismo é a melhor solução 

Embora a resposta para a pergunta “bruxismo tem cura?” seja não, o paciente que começa a tratar o problema o quanto antes tende a ter resultados satisfatórios e até pode ficar sem os sinais do bruxismo por bastante tempo.

O tratamento mais adequado deve ser recomendado pelo profissional e pode variar de acordo com os sintomas e a gravidade da situação.

No entanto, entre as soluções mais comuns para evitar problemas dentários por causa do bruxismo estão o uso de uma placa de mordida. Ela geralmente é indicada para o uso durante o sono, pois evita que a arcada superior e a inferior encostem, preservando os dentes do paciente.

Também para evitar fraturas e outros problemas nos dentes, o dentista pode recomendar o uso de aparelho ortodôntico para acertar a mordida e evitar o atrito entre os dentes, além de fazer restaurações e outros procedimentos com a mesma finalidade.

Além disso, pode ser recomendada a aplicação de toxina botulínica. O produto é usado para conter movimentos involuntários da mandíbula do paciente. Uma vantagem dessa opção é a ação 24 horas por dia, sendo útil para aqueles que sofrem de bruxismo diurno, por exemplo.

Como bruxismo não tem cura, essas são alternativas para preservar os dentes dos pacientes que sofrem desse problema.

No entanto, é importante pensar também na causa do bruxismo. Sendo assim, é primordial buscar maneiras de aliviar sintomas de males como ansiedade e estresse.

Existem diversas alternativas simples como meditação e técnicas de relaxamento. Contudo, pode ser interessante buscar ajuda psicológica para fazer terapias.

Dependendo do quadro apresentado, o paciente pode ainda precisar tomar remédios como calmantes e ansiolíticos.

0 comentário em “Bruxismo tem cura? Saiba qual a melhor maneira de tratar

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: