Gengiva Problemas Bucais

Tártaro na gengiva pode causar complicações. Entenda

Tártaro na gengiva? Muita gente não sabe, mas o tártaro pode afetar não só os seus dentes, como também causar outros problemas, incluindo mau hálito, cárie, gengivite e retração gengival.

Isso porque a formação do tártaro pode se dar tanto na parte visível do dente, quando abaixo do tecido mole. 

E assim como no caso dos dentes, o tártaro na gengiva é uma consequência da formação da placa bacteriana. Caso ela não seja removida, a proliferação desses microrganismos faz com que o tecido endureça e fique escurecido.

Quando isso acontece, não tem jeito: é preciso procurar um dentista, que vai fazer a remoção do tártaro por meio de uma raspagem, usando instrumentos adequados.

Saiba quais complicações o tártaro na gengiva pode causar

Também chamado de tártaro subgengival, o tártaro na gengiva é aquele tipo que fica abaixo do tecido. Um dos maiores perigos é a demora para identificar o problema, já que a lesão não fica visível.

A proliferação de bactérias abaixo do tecido mole pode levar a complicações como inflamação na gengiva (gengivite), deixando a região avermelhada e dolorida, além de provocar sangramentos.

E, se não tratada, essa gengivite pode evoluir para uma periodontite. Por sua vez, esse problema leva à perda óssea. Isso quer dizer que o dente pode ficar mole e até precisar ser extraído.

Uma diferença do tártaro na gengiva para o que fica aparente (supragengival) é que o subgengival costuma ter coloração voltada para o preto ou tons de verde. Já o que fica aparente tende a ser amarelo ou marrom.

Contudo, o tratamento é bem parecido nos dois casos, exigindo uma raspagem cuidadosa em consultório odontológico.

Entenda como evitar tártaro na gengiva

E para prevenir o tártaro na gengiva, nos dentes, além de outros problemas bucais, a dica chega a ser repetitiva: mantenha bons hábitos de higiene.

Muita gente pode ficar com preguiça de escovar os dentes, pois está tarde e só pensa em deitar e dormir. Sem falar no fio dental, que não é um dos acessórios de higiene mais usados pelos brasileiros.

Entretanto, a escovação após as refeições e o uso do fio dental pelo menos uma vez ao dia ainda são as melhores formas de prevenir tártaro na gengiva e outras doenças bucais.

Se você já tem esses cuidados, alguns outros podem ser incluídos na sua rotina para ampliar a prevenção. Um deles é o uso de um enxaguante bucal uma vez ao dia.

Outro ponto que muita gente deixa de lado é a limpeza em consultório, recomendada por dentistas a cada seis meses. A profilaxia é coberta por planos odontológicos, como a W.Dental, mas também pode ser particular.

Por fim, outra dica para manter a saúde bucal é se alimentando de maneira saudável. Invista na ingestão de vitaminas e minerais em detrimento de carboidratos e açúcares. 

Isso porque esses alimentos são usados pelas bactérias que habitam na boca para fabricar ácidos, que corroem nossos dentes e podem levar à cárie e outros problemas.

0 comentário em “Tártaro na gengiva pode causar complicações. Entenda

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: