Post Principal

Sensibilidade nos dentes: causas, tratamentos e como prevenir

@Shutterstock

Você sente dor ao comer algo quente, gelado ou mesmo doce demais? Cuidado, esse pode ser um sinal de sensibilidade nos dentes, também conhecida como hipersensibilidade dentinária.

Quem tem dentes sensíveis já sabe: ingerir algum alimento como os citados é certeza de uma dor aguda, intensa, mas que tem duração curta.

O problema é bastante comum e pode ter diferentes causas. A boa notícia é que não é difícil tratar ou prevenir a sensibilidade nos dentes, como você confere a seguir.

Causa da sensibilidade nos dentes não tem a ver com cáries

Muita gente pensa que dor de dente sempre está relacionada à cárie. Mas não é bem assim. No caso da sensibilidade nos dentes, por exemplo, a causa pode estar relacionada à erosão do esmalte e até mesmo à retração da gengiva, que são processos que levam algum tempo para acontecer.

Quando a parte interna do dente (dentina) fica exposta por conta de outros problemas dentários, pode ocorrer dor devido ao estímulo de terminações nervosas.

Alguns produtos ácidos, inclusive pastas de dente e produtos clareadores, também podem levar à sensibilidade dos dentes. Se você está com o problema, evite alimentos cítricos como laranja e limão, além de refrigerantes e café.

Além disso, fique de olho na sua escova para saber se está fazendo o uso correto. Se as cerdas estiverem distorcidas, pode ser sinal de que você está usando muita força durante a escovação, o que também pode levar à sensibilidade dos dentes. 

Se você tem dentes sensíveis, também vale a pena ficar de olho nos seus hábitos. Quem costuma apertar os dentes por conta de estresse, ansiedade e bruxismo, por exemplo, também pode desenvolver sensibilidade.

Tratamento para sensibilidade nos dentes depende do diagnóstico

Se você já identificou que está com dentes sensíveis e quer resolver o problema o quanto antes, fique de olho: primeiro é preciso identificar a causa da sua dor.

Para isso, o ideal é procurar a ajuda de um dentista que possa te orientar de acordo com a descrição do seu caso.

Muitas vezes, o uso de uma pasta de dente para sensibilidade pode resolver o problema de vez. No entanto, existem outras possibilidades que precisam ser estudadas.

Por exemplo, se você sofre de bruxismo, pode ser necessário usar uma placa nos dentes para dormir, evitando o ranger e, assim, a sensibilidade nos dentes.

Já se o seu problema for a retração da gengiva, é possível fazer um enxerto com material do céu da boca ou resina.

Outras alternativas podem ser o uso do laser ou de produtos específicos, aplicados no consultório do dentista.

E o mais importante é não esperar até que as dores fiquem muito forte para procurar ajuda profissional. Isso porque, em muitos casos, dores intensas podem requerer tratamentos mais severos, como canal para a retirada do nervo.

Prevenir a sensibilidade dos dentes é o melhor caminho

É aquela velha história: é melhor prevenir do que remediar. Portanto, se você sofre de sensibilidade nos dentes ou quer evitar sentir essas dores, o ideal é tomar cuidado para que elas não comecem.

Evite métodos de clareamento usando produtos naturais, por exemplo, e priorize os tratamentos e produtos indicados pelo seu dentista.

Além disso, fique de olho na escovação: não faça a limpeza muitas vezes ao dia e não aplique muita força na hora da higienização dos seus dentes.

Mas não descuide: escove de duas a três vezes ao dia e use fio dental para evitar a gengivite, que leva à retração.

Para evitar a sensibilidade nos dentes, preste atenção ainda na sua arcada dentária. Quando estiver de boca fechada, o ideal é que os dentes de cima não encostem nos de baixo, evitando que se forcem.

0 comentário em “Sensibilidade nos dentes: causas, tratamentos e como prevenir

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: